Início
Boas-Vindas
Identidade
Textos Inspiradores
Organização Geral
Plano de Atividades
Departamentos
Educação Especial
Gab. de Serviço Social
Gab. Psicopedagógico
Diálogos
Biblioteca Geral
Pastoral
+ FAMÍLIA
Blog Eco-Escola INA
Exames Nacionais 2017
Manuais Escol. 2016/17
Notícias
Todas as notícias
Atalhos Úteis
Contacto Geral
Outros Contactos
Ligações
Pesquisar
Ajuda

Início Todas as notícias Dia para SER+ no Colégio das Caldinhas

Dia para SER+ no Colégio das Caldinhas PDF Versão para impressão

ser mais 18

No dia 5 de maio, celebrou-se, no Colégio das Caldinhas, o Dia Para Ser +, com o tema Refugiados e Migrações Forçadas. Este dia pretendeu criar consciência de rede e missão comum dos Colégios da Companhia de Jesus em Portugal e sensibilizar a comunidade educativa para a problemática dos refugiados, de forma a criar empatia com quem foge da guerra e procura proteção humanitária.

O dia iniciou-se com a receção, nas portarias, pelos alunos voluntários do INA e da Oficina que ofereceram pulseiras alusivas ao tema.
Na sala de aula, a oração da manhã foi o ponto de partida para sensibilizar alunos e educadores, sendo lida uma carta de um refugiado, que contava o percurso, desde que saiu do seu país, o que viveu e o que sentiu. Os alunos foram desafiados a responder a essa carta através de um postal.

No intervalo da manhã e ao longo do dia, todos se dirigiram ao bar, para colocar, no Barco que lá se encontrava, os postais. O Barco, que representava a procura de uma vida melhor pelos refugiados e um gesto de acolhimento, foi ganhando vida e cor, com as bandeiras dos meninos da APINA, com as flores de papel do 1º CEB e com os 1450 postais escritos pelos restantes alunos.

Para além disso, percursos e histórias de vida de refugiados estavam representados na Oficina através de uma exposição em áudio-imagem e nas pegadas que foram distribuídas por vários espaços do Colégio.

Agradecemos a colaboração de todos na celebração deste dia, especialmente à APINA, aos alunos do 9.º ano, no âmbito do Projeto “Escolher para Acolher” e aos alunos voluntários do INA e da Oficina.

Para além de um exercício de educação para a cidadania, esta iniciativa foi marcada por fortes emoções e comprometimento por parte de toda a comunidade educativa no acolhimento e integração dos refugiados.

imageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimageimage

Actualizado em Quinta, 26 Maio 2016 12:52
 
 
 
©2017 INA - Instituto Nun'Alvres. Todos os direitos reservados.